sexta-feira, 30 de setembro de 2011

JG - JORNAL DO GUMA



FESLA, O GRANDE MOMENTO 
DA LITERATURA AVAREENSE 
A maior vencedora da noite, na terceira edição do FESLA Festival Literário de Avaré, foi a literata Claudete Terezinha de Carvalho, que na categoria Poesia conquistou o primeiro e terceiro lugares e ainda levou um prêmio de menção honrosa. Na categoria Crônica, Claudete também faturou o primeiro e terceiros lugares.
Regina e Carol, da Secretaria da Cultura, com a grande vencedora Claudete Terezinha de Carvalho
A noite de quinta-feira, 29, foi de festa para a literatura avareense. No Cineclube Avaré (CAC), aconteceu à premiação do IV Festival Literário de Avaré – FESLA -, Prêmio Israel Dias Novaes, entrega dos livros do III FESLA e entrega da III Antologia do Poetas Avareenses que fazem parte do Centro Literário Anita Ferreira De Maria.
 Poetas classificados na edição do III FESLA recebem seus livros
 Poetas que fazem parte do Centro Literário Anita Ferreira De Maria
O Dr. Benjamin Flávio de Almeida Ferreira e o escritor Gesiel Júnior contaram aspectos da vida do avareense Israel Dias Novaes, que foi homenageado também na III edição do FESLA, com textos sobre sua trajetória de vida.
 Poetas classificados para compor o livro do IV FESLA


RESULTADO E CLASSIFICAÇÃO IV FESLA – 2011
CATEGORIA POESIA
1º LUGAR → “DILACERADA” (CLAUDETE TEREZINHA DE CARVALHO)
2º LUGAR → ”CHICO E BELINHA” (FLÁVIO HENRIQUE PRIETO)
3º LUGAR → “A PIPA. O MENINO” (CLAUDETE TEREZINHA DE CARVALHO)
MENÇÕES HONROSAS
"BERÇO QUERIDO" (JOSÉ DE OLIVEIRA ABAREY)
“RÍTMO” (SÍLVIA DE ALMEIDA BELTRAMI)
“TERNURA” (CLAUDETE TEREZINHA DE CARVALHO)
“MINHA CASA” (VERA ALICE VEPPO RIBEIRO)
“ALMA SOLITÁRIA” (LUCÍLIA DOS REIS CARVALHO)

"BERÇO QUERIDO" (JOSÉ DE OLIVEIRA ABAREY)
POESIAS CLASSIFICADAS
O Fim do Mundo - André Luís Guazzelli
O Guru - Antonio Sílvio do Nascimento Curiati
Pressa do Tempo - Aretusa Dias Tróia
Alma Ferida - Aretusa Dias Tróia
Viver - Aretusa Dias Tróia
Dia de Desfile - Celso Melo de Oliveira
Olhos Doce Mar - Flávio Henrique Prieto
Lanterna dos Afogados - Flávio Henrique Prieto
Você - José de Oliveira Abarey
Prece - Lucília dos Reis Carvalho
O Beija-Flor - Lucília dos Reis Carvalho
Sem Parar - Luis Fernando Lopes dos Santos
Lua - Luis Fernando Lopes dos Santos
O Pássaro, A Flor e A Borboleta - Maurício Francisco de Barros
Limites - Maurício Francisco de Barros
Homem Objeto - Maurício Francisco de Barros
Simplesmente Hiperbólico - Pedro Paulo de Araujo Junior
Sonhando - Pedro Paulo de Araujo Junior
Inconseqüente - Pedro Paulo de Araujo Junior
Pálida Expressão - Rosa Yuri Kawakami Pinto
Despedida - Rosa Yuri Kawakami Pinto
O Poder da Lágrima - Rosa Yuri Kawakami Pinto
Drenagem - Sílvia de Almeida Beltrami
Caminhos - Sílvia de Almeida Beltrami
Nada Será Como Antes - Sony Fermino dos Santos
Menino - Taynara Carneiro Gomes
Busco Amor - Taynara Carneiro Gomes
Avaré - Vera Alice Veppo Ribeiro
À Ver Navios - Vera Alice Veppo Ribeiro
CATEGORIA CONTO
1º LUGAR → “LAURA” (VERA ALICE VEPPO RIBEIRO)
2º LUGAR → “BELA MANHÃ DE UM DOMINGO DE VERÃO” (PEDRO PAULO DE ARAÚJO JUNIOR)
3º LUGAR → “NOTURNO” (ANDRÉ LUÍS GUAZZELLI)
MENÇÃO HONROSA
“AS ALMAS” (RODRIGO CARVALHO)
CATEGORIA CRÔNICA
1º LUGAR → “A MULHER DA SOMBRINHA FLORAL” (CLAUDETE TEREZINHA DE CARVALHO)
2º LUGAR → “NÃO SOU VENDEDOR” (PEDRO PAULO DE ARAÚJO JUNIOR)
3º LUGAR → “DEVASTAÇÃO” (CLAUDETE TEREZINHA DE CARVALHO)
MENÇÃO HONROSA
“LOLITA, GOSTOSURAS... TRAVESSURAS... CADÊ O PERERÊ?” (ANTONIO MARCOS DE CAMPOS)