terça-feira, 13 de novembro de 2012

JG- JORNAL DO GUMA


 INFORME INSTITUCIONAL

Empresa inaugura novo portal de notícias
Reportagens em vídeo jornalismo deve ser a coqueluche desta nova etapa da Editora Folha de Avaré, proprietária do Jornal Folha de Avaré e parceira da Rede Guma.



                                                                                                          Foto:ilustrativa

Sergio Pereira - Com os avanços tecnológicos e o acesso a informação popularizada e disseminada a todos os cantos, até mesmo no terceiro mundo como o Brasil, a produção audiovisual teve um salto enorme neste início de milênio.
Nas décadas de 80 e 90 era praticamente impossível de se imaginar ter à disposição equipamentos profissionais para se fazer uma edição de vídeo, uma bem definida captação de imagem, oxalá termos profissionais capacitados trabalhando efetivamente no mercado regional, sito 80 e 90 porque antes aí sim era impossível. Porém, com a chegada da tecnologia digital (mais popular na primeira década deste século), na vídeo produção, pode-se ter então uma possibilidade real de almejar uma ilha de edição de imagens e câmaras profissionais para se captar boas imagens.
Na era da analogia, as edições de imagens eram feitas nas chamadas ilhas de edição linear, ou seja, pegava uma fita de bitolas como VHS, S-VHS, para amadores e semi profissionais  e Umatic e Betacam para os profissionais ou broadcasters (pessoal da TV), e editava através de tapes, mesas de corte e outros aparelhos. Para os mais jovens, era o tempo das fitas cassetes, dos discos vinil, ou bolachão e dos vídeo cassetes é claro. Com o salto para o digital, as ilhas de edição passaram a se chamar ilhas de edição não-lineares, ou simplesmente, um computador capaz de editar vídeos.
Não bastasse o avanço físico, a tecnologia digital também trouxe a internet, com isso, o acesso à informação também se tornou acessível, proporcionando a milhares, até mesmo dentro de suas próprias casas, e com pouco poder aquisitivo, terem acesso a informações antes inimagináveis. O que dizer então sobre a formação de mão de obra, já que estudos na área de vídeo são muito caros, até mesmo nos dias de hoje e disponíveis somente em grandes centros.
Pois bem, diante de tais mudanças ouve uma transformação muito grande dentro do meio audiovisual e da comunicação. Hoje é fácil encontrar numa cidadezinha de 10 mil habitantes, por exemplo, alguém que grave vídeo com câmeras profissionais e editem seus vídeos com equipamentos similares aos usados em redes de TV. Essa paridade era algo inatingível até mesmo em sonho a poucos anos atrás, lembrando que estamos falando da realidade regional.
Aqui em Avaré e em nossa região há muitos profissionais que possuem excelentes equipamentos e conhecimentos técnicos capaz de debater de igual para igual com profissionais de televisão, os chamados broadcastings, isso tudo com o barateamento que a tecnologia digital proporcionou aos equipamentos e ao conhecimento.

MAIOR PORTAL DE NOTÍCIAS

Na garupa de tudo isso, nós profissionais hoje da Editora Folha de Avaré, começamos no ano de 2001, (antes mesmo da fundação desta empresa)  a investir e trabalhar com o audiovisual, paralelamente ao jornalismo é claro, e hoje podemos dizer tranquilamente que temos bagagem e gabarito para produzirmos com qualidade vídeo jornalismo, e é isto que estamos propondo à partir de agora.
Com a inauguração do novo site, a empresa direciona parte de seu olhar para a informação digital, ou seja, estamos investindo pesado na rede mundial de computadores. Mais de uma dezenas de profissionais já foram contatados e estão trabalhando para trazer a informação de mais de 30 cidades de nossa macro região, proporcionando informação rápida e de credibilidade aos nossos internautas.

VIDEO JORNALISMO
Reportagens em vídeo, acreditamos ser a coqueluche deste novo momento da empresa. A produção de matérias em vídeo em todas as áreas de atuação irá incrementar e muito nosso conteúdo jornalístico.
Especificamente na área da ecologia, esperamos poder prestar um grande serviço a região, já que estamos pautando importantes matérias sobre este assunto, tão debatido e alardeado pela mídia nos dias atuais. Vamos mostrar como anda a aplicação da nova lei ambiental em nossa região, como nossos políticos e autoridades estão cuidando deste assunto tão importante para nossas vidas.

EXUBERANTE NATUREZA

Não poderia deixar de salientar nosso interesse em levar ao conhecimento de todos, nossa exuberante natureza, afinal de contas, em se tratando de consciência ambiental nós estamos na região mais importante do estado, consequentemente do país. Nossa macro região é a única do estado de São Paulo, que ainda resta água limpa e natural correndo em ribeirões, riachos e lagoas, isto mesmo, não se assuste com essa informação, ela é verdadeira. Apesar da poluição e destruição iminente de nascentes e rios, resta a nossa região a missão de servir de exemplo ao restante do estado mais rico e próspero da federação.
Existe um movimento pré denominado "circuito das águas limpas" surgindo na região, de fato é a existências de ONGs já instaladas na região com tais cunhos, mas ainda não tem alarde suficiente, mas deve ser pauta de nossa equipe de vídeo jornalismo para as próximas semanas.

FOCO
Nossas lentes estarão voltadas para todos os setores, na política estaremos publicando entrevistas reveladoras e polêmicas, no esporte vamos acompanhar os campeonatos mais importantes para o internauta poder conferir os melhores momentos. Na segurança estaremos acompanhando de perto o serviço de nossas autoridades e com agilidade levar a notícia com detalhes aos internautas.
Os eventos sociais, além das tradicionais fotos, ganharão mais graça com os vídeos, que nada mais é, em sua essência,  uma sequência de pequenas fotografias. Cada segundo de vídeo corresponde a 30 fotos.
Mas nosso trabalho será com certeza, direcionado ao setor de jornalismo investigativo e revelador, com a missão de levar ao conhecimento de todos, os bastidores da verdade, ou seja, aquilo que poucos tem a coragem de falar, muitos tem a vontade de esconder, mas que todos querem saber.