quarta-feira, 24 de abril de 2013

JORNAL DA CIDADE

CULTURA
                                                 
'TERRA NOS OLHOS' É 
APRESENTADA EM AVARÉ


Com um conteúdo inusitado,  que opera em um linha tênue entre a miséria humana e a comédia o espetáculo da COMPANHIA TEATRO SÃO PAULO, "Terra nos olhos" foi apresentado em Avaré na noite do domingo de Páscoa.
Os premiados atores Carlos Meceni e Josué Torres atuam na peça que tem como pano de fundo o comércio clandestino de órgãos.

VEJA MAIS FOTOS CLIQUE AQUI

A EMOCIONANTE ENCENAÇÃO DA PAIXÃO DE CRISTO NA CONCHA


Veja todas as fotos CLIQUE AQUI

A EMOÇÃO DE “VIVER” 
A PAIXÃO DE CRISTO

Por Guma Castellucci*: Mais uma vez mesmo diante das dificuldades financeiras encontradas em Avaré, aconteceu a Encenação da “Paixão Cristo”.
Desta vez num formato diferente, mais ágil, com elenco um pouco menor e uso de vídeos no lugar de cenários, uma multidão se aglomerou na Concha Acústica, local escolhido para o evento, ao invés do tradicional Campo de Futebol Municipal, para assistir uma história que embora todos conheçam, sempre reserva lances de uma emoção profunda, sendo comuns o choro e os olhos lacrimejantes que alguns até tentam disfarçar. (Leia mais Clique Aqui)



MELHORES MOMENTOS DA PAIXÃO DE CRISTO DE 2011 CLIQUE AQUI

PROJETO HORTO EM CANTO REINICIA COM MADREPÉROLA
A Banda Madrepérola que é composta por músicos de Avaré foi a escolhida  para esta edição que marca o reinicio das atividades do Projeto Horto em Canto.


VEJA MAIS FOTOS CLIQUE AQUI

Assessoria Cultura: Após a reabertura da Floresta de Avaré (Horto Florestal), no segundo semestre de 2012, a Secretaria de Cultura preparou-se para o retorno da atividade HORTO EM CANTO que foi inserida no Calendário de Atividades Culturais 2013 com aprovação do CMPC – Conselho Municipal de Politica Cultura.
Segundo Gilson Camara, Secretário Municipal da Cultura “... o Projeto Musical, tem como, entre outros objetivos, a valorização do músico avareense pois em cada mês um grupo musical de Avaré irá se apresentar no palco do Horto Florestal...” 
A BANDA
A Banda Madrepérola que é composta por músicos de Avaré foi a escolhida para esta edição que marca o reinicio das atividades do Projeto Horto Encanto. Sua característica mais marcante é o repertório eclético, com estilo variado como clássicos internacionais, boleros, xotes, anos 60, anos 70, axés, sertanejo universitário, pop rock e outros sucessos do momento. Além do talento dos integrantes, a produção com roupas temáticas e bailarinos garantem uma viagem à diferentes épocas da música popular. Como na citada letra de Milton Nascimento, Emanuel, Fernando Fernandes, Josieli, Miriam, Pedrinho, Poli Brasil, Rafael Bonaldi, Rafa Javaro e Thiago Amaral animam os “bailes da vida” levando o melhor da música aos momentos mais especiais.

Waldir Bronson 
expõe nos EUA

A polêmica obra do artista plástico de Avaré Waldir (Bronson) Rodrigues participa da Exposição Internacional em prol da Luta Social "YO SOY 132" no CENTRO POLÍTICO CULTURAL: ERIC QUEZADA em SÃO FRANCISCO na CALIFÓRNIA (EUA)TRÊS obras de WALDIR BRONSON estão na exposição que foi aberta na semana passada. Em ABRIL  Mostra estará em SAN DIEGO e em MAIO em LOS ANGELES, finalizando no Estado de NEVADA em LAS VEGAS . O trabalho de Waldir Bronson pode ser conhecido acessando o site www.waldirbronson.com.

VEJA FOTOS DA EXPOSIÇÃO CLIQUE AQUI


BIBLIOTECÁRIAS LUTAM PARA 
SALVAR JORNAIS ANTIGOS

Foto: A Bigorna
Num esforço voluntário as bibliotecárias Josana Souza Carlos e Eliana Maria Barja estão tentando conservar para a posteridade centenas de exemplares de jornais que circularam em Avaré, há mais de 120 anos, quando a cidade ainda se chamava Rio Novo.
Titulares da Biblioteca Municipal “Professor Francisco Rodrigues dos Santos”, as duas profissionais pretendem buscar meios eficazes de recuperar o valioso acervo mantido pela família do memorialista Paschoal Bocci (1912-1977), em São Paulo por mais de meio século e que foi devolvido pela pesquisadora Flora Bocci, em 2009, para o município.
A maior parte dos jornais, entretanto, veio da Capital em adiantado estado de deterioração. Estava, desde então, no arquivo da Secretaria Municipal da Cultura à espera de serviço especializado para restauro.
No raro acervo há alguns exemplares de “O Rio Novense”, o primeiro jornal da cidade, editado entre 1888 e 1893 por Maneco Dionísio, além de outros periódicos que marcaram época como “A Lucta”, “Echo do Povo”, “Correio do Sertão”, “O Porvir”, “A Lágrima”, “Gazeta de Avaré”, “O Município de Avaré”, “O Commercio de Avaré”, “O Avaré” e “A Tribuna”, os quais circularam no final do século dezenove e em diferentes períodos do século vinte.
APOIO TÉCNICO – Para auxiliá-las nesse trabalho, Josana e Eliana recorreram a duas profissionais especializadas em Conservação Preventiva.
De São Paulo, Flávia de Melo Cabral e Liana Almeida estiveram na semana passada no Centro Cultural Djanira para avaliar as condições dos jornais e as possibilidades de reparo, bem como as perspectivas para a microfilmagem do material.
As duas especialistas manusearam cuidadosamente o acervo e colheram impressões para elaborar detalhado diagnóstico e estimar custos para a preservação dessa parte da memória histórica de Avaré contida nesses jornais antigos.
Enquanto esperam pelas análises técnicas, Josana e Eliana já providenciaram a devida acomodação do material numa sala reservada da Biblioteca Municipal, a fim de que a valiosa documentação possa ser conservada até que se dê a ela o melhor encaminhamento. 
O objetivo é que os jornais, depois de microfilmados, possam ser disponibilizados à comunidade para estudos e pesquisas de pessoas interessadas em conhecer aspectos da história de Avaré registrada pela imprensa escrita. (Texto-Gesiel Júnior)

       OUÇA JORNAL DA CIDADE EDIÇÕES DIÁRIAS AS 10H45M CLIQUE AQUI