terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

JORNAL DA CIDADE - Saúde

Cadastro para doação de
medula óssea será no dia 22
 Doador deve ter entre 18 e 54 anos, estar em bom estado de          
saúde e não ter doença infecciosa transmissível pelo sangue

Organizadores da campanha em reunião na Loja Maçônica Nazaré 
A Secretaria de Saúde da Estância Turística de Avaré com a colaboração de entidades e voluntários realizará no dia 22 de fevereiro um cadastro de doadores de medula óssea. A ação ocorrerá das 9 às 17h na Loja Maçônica Nazaré (Rua Rio de Janeiro, 1751). A meta é aumentar o banco de doadores por meio da doação de amostras de sangue e o envio de informações ao Centro de Registro de Doadores de Medula Óssea, banco que reúne dados de pessoas que se prontificam a ceder a medula óssea. Em caso de compatibilidade genética com algum paciente, será iniciado o processo de doação para o transplante. Para se tornar um doador é preciso ter idade entre 18 e 54 anos, estar em bom estado de saúde, não ter doença infecciosa transmissível pelo sangue.
          No último dia 24, a equipe da secretaria, se reuniram para definir detalhes da campanha integrantes do Rotary Club, de lojas maçônicas, funcionários da Santa Casa de Misericórdia, representantes do Grupo de Apoio aos Hemocentros de Marília e Botucatu, além de voluntários.
Segundo Vanda Nassif, diretora técnica de Saúde, a ideia é levar ao conhecimento da população que a doação é um procedimento seguro que não causa qualquer problema à saúde do doador. Doar é um ato de solidariedade e pode ajudar pacientes que têm o transplante como única chance de cura.