domingo, 14 de dezembro de 2014

JORNAL DA CIDADE - Educação

CEEJA DE AVARÉ REALIZA 
A PRIMEIRA FORMATURA

Durante a solenidade professores foram homenageados, como a paraninfa Andreia Rocha, de Geografia e a professora Gisele Claro Sorbo Sarto, de Ciências.

Andreia e Gisele com a Dirigente de Ensino, Lucimeire Mendonça.
Parte da equipe dos professores.
Adriana Mendonça (Supervisora de Ensino), Magali Sanches (Diretora do Núcleo Pedagógico), Edna D’ Árc Suman (vice-diretora do CEEJA), Poio Novaes (Prefeito de Avaré) Cristina Leonel (Supervisora) e Glaucea Silveira (Coordenadora do CEEJA).

Foi realizado, na última terça-feira, 9 de dezembro, a primeira formatura do Centro Educacional de Estudos de Jovens e Adultos, o CEEJA de Avaré. A cerimônia foi na própria Diretoria de Ensino, que desde janeiro deste ano abriga esse importante projeto. Para o evento compareceram além dos professores,  familiares e alunos  o grupo Gestor da escola que tem como diretora a prof. Helena Isabel Gomes, a vice-diretora Edna D’Árc Suman  e a coordenadora Gláucia Silveira. Também estiveram presentes a Dirigente Regional de Ensino, prof. Lucimeire Gomes Mendonça, que foi quem trouxe o do projeto para Avaré, as Supervisoras Cristina Leonel e Adriana Mendonça, os funcionários da diretoria Valmir Pasin, Regina Claudia e Magali Sanches Ferreira e os PCNPs, Luciana Petrini, de História, Valdecir Donizeth da Conceição, de Geografia e Everaldo de Godoi, de Matemática. Outro que honrou a todos com a presença foi o prefeito de Avaré, Poio Novaes.


Formandos
No total, mais de 70 alunos já concluíram seus estudos nessa escola, que tem hoje, exatos 797 alunos matriculados. São estudantes não somente de Avaré, mas de várias cidades da região como Arandu, Taquarituba, Paranapanema, Iaras, Cerqueira César, Itaí e Águas de Santa Bárbara.
Para a diretora do CEEJA, Helena Isabel Gomes, o momento foi um marco na história do CEEJA de Avaré, ela comentou sobre como foi importante para sua carreira estruturar uma escola administrativamente, pedagogicamente e financeiramente. Disse estar muito feliz por ver os resultados. “O projeto vem crescendo e  com ele a evolução dos alunos, os sonhos que vão se concretizando e as etapas que vão vencendo, é gratificante  para o educador, fazer parte de tudo isso”, destacou ela. Já a dirigente Lucimeire Mendonça, mais uma vez lembrou do esforço de todo o grupo, fazendo um breve retrospecto de como foi a abertura do CEEJA em Avaré. “O mesmo surgiu de uma simples conversa com a antiga subsecretaria de Articulação Regional, professora Rosania Morales Morroni, a qual sugeriu que, se tivéssemos apenas três salas já seria possível implantar o CEEJA em Avaré. Após esta conversa, uma inquietação tomou conta e ao olharmos o prédio da Diretoria de Ensino, pensamos: por que não aqui? Estávamos então, muito mais perto de alcançarmos nosso objetivo”, falou. Lucimeire ainda destacou a vida que o CEEJA deu a sede da diretoria, referindo-se a movimentação diária dos alunos e aos projetos  interdisciplinares, que vem envolvendo também  a comunidade. O prefeito Poio Novaes, relacionou esse momento importante dos alunos às oportunidades que todos terão de frequentar uma faculdade, um curso técnico e aperfeiçoar-se como profissionais.
Após a colação de grau, foi servido um coquetel com refrigerantes e salgados. Texto e fotos Silvana Mota.

Solenidade de formatura