HOMEM ACUSADO DE MATAR IDOSO É LINCHADO EM PIRAJU


A Polícia Civil vai investigar as agressões contra um homem de 61 anos, suspeito de matar um idoso a facadas, (VEJA DETALHES CLIQUE AQUI) na segunda-feira, dia 25, no bairro Várzea, em Piraju.
Um vídeo mostra o momento em que os moradores espancam o suspeito com socos e chutes. Um dos agressores chega a jogar uma cadeira contra o homem.
O suspeito foi socorrido com traumatismo craniano e ficou internado no Hospital das Clínicas em Botucatu com escolta policial.
Após receber alta, ele foi levado para a cadeia de Piraju e deverá ser encaminhado para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Cerqueira César.
-
Polícia Civil vai investigar as agressões contra um homem de 61 anos, suspeito de matar um idoso a facadas, na segunda-feira (25), no bairro Várzea, em Piraju (SP).
LEIA EM MAIS INFORMAÇÕES↙
De acordo com o delegado Alberto Correa, os agressores poderão ser indiciados por lesão corporal ou tentativa de homicídio.
“Vamos investigar quem foram as pessoas que agrediram o suspeito de matar o idoso. Apesar de ser suspeito do crime, ele também foi vítima. Dependendo das circunstâncias que aconteceu e pelo laudo, se houve risco de vida, as pessoas podem responder por tentativa de homicídio”, diz.
Ainda segundo o delegado, o suspeito será encaminhado ao Centro de Detenção Provisória (CDP) de Cerqueira César, e responderá por homicídio qualificado por motivo fútil e tentativa de homicídio.
Nas imagens é possível ver o homem imobilizado no chão sem camisa e vários moradores ao redor o agredindo com socos e chutes. Em seguida, um dos moradores chega a pegar uma pequena cadeira e joga contra o suspeito.
CRIME (VEJA DETALHES CLIQUE AQUI) 
O idoso de 70 anos morreu esfaqueado após tentar defender a mulher durante uma briga em um cortiço.
De acordo com a polícia, a mulher da vítima, de 66 anos, contou que é responsável pelo cortiço e foi cobrar o aluguel de um dos moradores. Porém, após a cobrança, ele apareceu na casa dela com uma faca e a esfaqueou nas mãos.
De acordo com a polícia, a mulher da vítima, de 66 anos, contou que é responsável pelo cortiço e foi cobrar o aluguel de um dos moradores. Porém, após a cobrança, ele apareceu na casa dela com uma faca e a esfaqueou nas mãos.
Durante a briga, o marido teria tentado imobilizar o suspeito, mas acabou sendo esfaqueado.
Ele foi socorrido, mas chegou no Pronto Socorro sem vida.

Polícia Civil vai investigar as agressões contra um homem de 61 anos, suspeito de matar um idoso a facadas

Um vídeo enviado ao G1 mostra o momento em que os moradores espancam o suspeito com socos e chutes . Um dos agressores chega a jogar uma cadeira contra o homem.
O suspeito foi socorrido com traumatismo craniano e ficou internado no Hospital das Clínicas em Botucatu até esta quarta-feira (27) com escolta policial.
Após receber alta, ele foi levado para a cadeia de Piraju e deverá ser encaminhado para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Cerqueira César.
De acordo com o delegado Alberto Correa, os agressores poderão ser indiciados por lesão corporal ou tentativa de homicídio.
“Vamos investigar quem foram as pessoas que agrediram o suspeito de matar o idoso. Apesar de ser suspeito do crime, ele também foi vítima. Dependendo das circunstâncias que aconteceu e pelo laudo, se houve risco de vida, as pessoas podem responder por tentativa de homicídio", diz.
Ainda segundo o delegado, o suspeito será encaminhado ao Centro de Detenção Provisória (CDP) de Cerqueira César, e responderá por homicídio qualificado por motivo fútil e tentativa de homicídio.
Agressões
Nas imagens é possível ver o homem imobilizado no chão sem camisa e vários moradores ao redor o agredindo com socos e chutes