Prefeitura de Avaré monta a sua Banda Marcial

Cultura investe mais de R$ 50 mil
na aquisição de instrumentos musicais

Pela primeira vez em sua história, Avaré em breve vai contar com uma Banda Marcial mantida pela Prefeitura. Cumprindo uma das metas de seu plano de governo, o prefeito Jô Silvestre autorizou a compra de instrumentos musicais para formar a corporação, tendo para isso feito investimento superior a R$ 50 mil com o emprego de recursos próprios.
“Trata-se da conquista mais significativa para a arte musical nos últimos anos”, avalia Diego Beraldo, secretário municipal da Cultura. Recentemente, por meio de licitação, a Prefeitura contratou os serviços do experiente músico João Mateus Rúbio Arruda, que exercerá a função de maestro da nova banda.
A princípio, a corporação será composta de 30 integrantes, a maioria egressos do Projeto Guri, moças e rapazes já afinados com o projeto. “Estamos preparando para oferecer aos nossos jovens a oportunidade de construir uma bela carreira com base na disciplina que transformará as suas vidas”, revela Diego Beraldo.
A expectativa é de que a Banda Marcial Municipal faça a sua primeira apresentação ao ar livre durante o desfile festivo do aniversário da cidade, em setembro. Até lá, no Centro Cultural Esther Pires Novaes, os integrantes da nova corporação musical vão participar de ensaios.
Novo acervo – De acordo com a Secretaria da Cultura, os instrumentos musicais, incluindo metais e de percussão já chegaram. São 2 bumbos, duas caixas tenor, 1 quadriton, 1 prato sinfônico, 8 trompetes, 8 trombones, duas tubas, 4 trompas e 30 estandes.
A próxima meta é adquirir os uniformes. Para breve, a Prefeitura deverá regulamentar o funcionamento da Banda Marcial Municipal por meio de decreto. Foto: Diego Beraldo

Comentários