Cachorro que era mascote de cidade no interior de SP deve receber estátua em homenagem

 Estátua deve ser colocada na praça central de Quadra (SP). Moradores relatam que animal, batizado de Toko, acompanhava missas, velórios e desfiles cívicos. Vira-lata morreu após procissão desta sexta-feira (12)

AVARÉ TEM UM HISTORIA SEMELHANTE CLIQUE AQUI




Vira-lata era considerado mascote em Quadra — Foto: Arquivo Pessoal


O cachorro vira-lata Toko, que morreu na sexta-feira (12) e era considerado o mascote do município de Quadra (SP) por frequentar missas, velórios e desfiles cívicos, deverá ser homenageado com uma estátua na praça central.

De acordo com o diretor de Cultura, Esporte, Turismo e Lazer, Benemari Sulivam, a ideia de fazer a estátua é justamente porque o animal era querido por todos e considerado parte da história da cidade.
“Eu dei a ideia com o aval do prefeito e a população abraçou. Então, como diretor de cultura vou pesquisar, ver como será o projeto e ver os meios para conseguirmos concretizar. Mas tentaremos fazer a estátua por ele ser um personagem da nossa história, cultura e, claro, um querido por todos nós” afirma
Segundo Benemari, a ideia é colocar a estátua na praça junto com a história do animal.
“Queremos colocar na praça com a história. Esta segunda-feira começarei a pesquisa de campo para saber como faremos, os apoiadores, e se irá fazer com poder público ou privado. É uma forma de amenizar a perda. Ele faz parte da nossa historia e tem uma grande significância”, diz.



De acordo com o morador Sidnei Soares, o vira-lata era conhecido por todos da cidade, que tem cerca de 3,5 mil habitantes.
Segundo ele, o mascote morreu após uma procissão realizada em homenagem ao Dia de Nossa Senhora Aparecida.
“Ele era conhecido por todo mundo. Ia nas festas, velórios, missas e procissões. Infelizmente soltaram uma bomba perto da praça e estourou na boca dele. Estou triste demais porque poderiam ter evitado isso. Todo mundo arrasado”, afirma.
Moradores relataram que o cachorro chegou a ser levado para uma clínica veterinária, mas não resistiu aos graves ferimentos.
Toko acompanha desfiles cívicos de Quadra — Foto: Arquivo PessoalToko acompanha desfiles cívicos de Quadra — Foto: Arquivo PessoalToko acompanha desfiles cívicos de Quadra — Foto: Arquivo Pessoal

'Amado por todos'


--:--/--:--
Morte de cão que era mascote de Quadra deixa moradores em luto

Ainda de acordo com Sidnei, Toko surgiu na cidade há pelo menos seis anos e quase todos se sentiam dono do animal. Ele chegou a ficar em algumas casas, mas depois voltou a ser cachorro de rua

Ele surgiu em uma festa do padroeiro em agosto. Mesmo não tendo um lar fixo, ele era bem tratado por todos. Ele parava na frente de onde trabalho e dormia em frente de casa. Ele ia nos comércios, nas casas das pessoas. Na igreja o padre chegou a colocar tapete para ele. Era um cachorro especial. Nosso mascote”, diz.
A moradora Katharina da Silva contou que o animal era amado por todos e lembrará sempre do Toko por ele acompanhá-la no enterro do pai.

“Ele acompanhou o enterro inteiro e ficou ao meu lado. E ele sempre fazia isso. Estou com o coração partido pelo que aconteceu”, afirma.

Solange Blum também lamentou a morte do animal. Segundo ela, todos estão arrasados.

“Estou muito triste. Ele era um cachorro espetacular. Foi um choque para todos de Quadra. Acho que ele merece uma linda homenagem porque era um cão participativo em tudo ele está lá em destaque foi uma perda lamentável. Ele era um cachorro sensacional”, afirma.
De acordo com o padre Pedro Luiz Oliveira, ele não chegou a ver o que ocorreu, mas lamenta a morte do vira-lata.
"Ele tinha um tapete na igreja e ia em quase todas as missas. Era muito querido por todos e lamentamos o que houve", diz
Veja mais notícias da região no G1 Itapetininga

Postar um comentário

INSTAGRAM

INSTAGRAM
Copyright © REDE GUMA. Designed