Prefeita fala sobre Humanização aos profissionais da Saúde

ITAPETININGA

A prevenção, por meio de atividades físicas, palestras e dinâmicas. O preparador físico, Inaldo Pereira, contou que mais de 600 pessoas que frequentam o programa “Caminha Coração”, desenvolvido em vários bairros de Itapetininga se sentem com mais disposição.
“Em poucos meses, triplicamos o número de pessoas que buscam participar desse programa. São nove educadores preparados para atender essas pessoas. Elas dizem que o desempenho e a vitalidade estão cada vez melhores. Fico honrado com esse resultado”, disse Inaldo.

Falando em saúde, Itapetininga registra aproximadamente 77 mil atendimentos por mês nos postos de saúde. “Antigamente, havia filas para agendar consultas no posto da Rio Branco, hoje, com a implantação do agendamento via whatsaap, não há mais fila”, destacou a coordenadora da unidade, Eliane Pereira Borges.
Para a coordenadora do Posto de Saúde do Taboãozinho, Tatiana Rivelli, a ampliação da unidade trouxe mais comodidade para quem precisa de atendimento. “Temos um lugar mais amplo e todos que recebem atendimento, elogiam a qualidade do prédio. Contam que antes nem espaço tinham para tomar uma vacina. Hoje, um posto de saúde especial”, contou Tatiana.
Mais de 50 profissionais da área da saúde, da rede municipal de Itapetininga participaram de uma palestra de integração e humanização da prefeita Simone Marquetto, no Auditório Municipal “Alcides Rossi”.
Simone Marquetto mostrou o trabalho que foi realizado em dois anos de gestão no município, como a reforma e ampliação de postos de saúde, aquisição de nova frota de veículos, implantação do agendamento de consultas via whatsaap, mobiliários novos para as unidades de saúde, ultrapassou a meta de vacinação nacional contra poliomielite e sarampo, campanhas de prevenção à saúde nos bairros, principalmente na área rural, mutirão da catarata, que zerou a fila de espera, que era desde 2015, além de outras ações que foram desenvolvidas na cidade.

“Nesta integração, quero parabenizar o trabalho de vocês, nossos profissionais da área da saúde, que estão à frente das unidades. Nós sabemos das dificuldades que enfrentamos, mas podemos, a cada dia, começar algo novo. A humanização deve estar em todas as nossas ações”, enfatizou a prefeita Simone Marquetto.

A prefeita Simone também falou do trabalho pioneiro em Itapetininga, o Centro Municipal de Reabilitação, que atende 1.175 pacientes, com Hidroterapia, projeto Nascer (para bebês de alto risco), Pediatria, Nutricionista, Fisioterapia, Psicologia, Terapia Ocupacional, Fonoaudiologia, Assistência Social, Técnica de Enfermagem, Acupuntura e Equoterapia (em parceria com a Polícia Militar) e do programa “Em Casa”, que atende mais de 60 pacientes. Eles recebem medicamento como colírio para glaucoma e escleroses em casa.

A prefeita Simone Marquetto concluiu com reflexão: “Temos que ter em mente o seguinte pensamento. Tratar o outro como você gostaria de ser tratado”.
Postar um comentário

INSTAGRAM

INSTAGRAM
Copyright © REDE GUMA. Designed