Jogador morto em incêndio no CT do Flamengo é enterrado em Itararé

Velório foi realizado na noite de domingo (10). Gedson Beltrão dos Santos Corgosinho, de 14 anos, foi um dos 10 adolescentes qmorreram no incêndio no Centro de Treinamento do Flamengo, no Rio de Janeiro.





Jogador do Flamengo, Gedson Beltrão dos Santos Corgosinho, foi enterrado em Itararé — Foto: Reprodução/TV TEMJogador do Flamengo, Gedson Beltrão dos Santos Corgosinho, foi enterrado em Itararé — Foto: Reprodução/TV TEM
Jogador do Flamengo, Gedson Beltrão dos Santos Corgosinho, foi enterrado em Itararé — Foto: Reprodução/TV TEM
O corpo do adolescente Gedson Beltrão dos Santos Corgosinho, de 14 anos, foi enterrado na manhã desta segunda-feira (11) no Cemitério Municipal de Itararé (SP). Gedinho, como era conhecido, foi um dos 10 adolescentes que morreram no incêndio que atingiu o Centro de Treinamento do Flamengo, na sexta-feira (9), no Rio de Janeiro.

00:00/12:16
Jogador morto em incêndio no CT do Flamengo é enterrado em Itararé
Além de Gedson, outros quatro adolescentes mortos no incêndioserão enterrados nesta segunda. Jorge Eduardo Santos será levado para Além Paraíba, na Zona da Mata de MG; Athila Souza Paixão será enterrado em Lagarto, em Sergipe; Samuel Thomas de Souza Rosa será sepultado em São João de Meriti, na Baixada Fluminense; e Rykelmo de Souza Viana enterrado em Limeira.
Quem são os 10 garotos mortos no incêndio do CT do Flamengo — Foto: Arte/G1Quem são os 10 garotos mortos no incêndio do CT do Flamengo — Foto: Arte/G1Quem são os 10 garotos mortos no incêndio do CT do Flamengo — Foto: Arte/G1
O incêndio deixou também três adolescentes feridos. Cauan Emanuel teve alta do CTI e foi transferido para um quarto do Hospital Vitória neste domingo (10). O goleiro Francisco Dyogo, que está no mesmo hospital, se recupera de maneira mais devagar e segue fazendo fisioterapia respiratória no CTI.
Já Jhonatan Ventura continua internado no CTI do Hospital Pedro II em estado grave. Ele está sedado e respira com a ajuda de aparelhos. De acordo com a instituição, ele apresentou febre nas últimas 24 horas e passou por um banho com curativos nas feridas mais profundas.
Corpo de Gedson Santos é velado no ginásio municipal de Itararé — Foto: Airton Salles Jr./TV TEMCorpo de Gedson Santos é velado no ginásio municipal de Itararé — Foto: Airton Salles Jr./TV TEMCorpo de Gedson Santos é velado no ginásio municipal de Itararé — Foto: Airton Salles Jr./TV TEM

Velório

O corpo de Gedinho foi levado de avião do Rio de Janeiro até Curitiba na tarde de domingo. Depois, seguiu de carro até Itararé, onde ele morava com a família.
O jogador foi velado no ginásio municipal de Itararé. O caixão chegou às 23h30 e entrou sob uma salva de palmas de parentes, amigos e moradores da cidade que lotaram o local. A mãe do jogador passou mal e precisou ser amparada.

--:--/--:--
Com ginásio lotado, jogador do Flamengo morto em incêndio no CT é velado em Itararé
Gedinho, que era atacante, estava apenas há uma semana no Rio de Janeiro, ainda se adaptando à rotina no alojamento do Ninho do Urubu.
O adolescente de 14 anos postou no Facebook horas antes da tragédia que havia se mudado para o Rio de Janeiro. A postagem sobre a mudança de cidade foi feita às 20h de quinta - o incêndio foi às 5h de sexta. O adolescente recebeu mensagens de parabéns e desejo de boa sorte para o novo clube. "Capricha ai Gedinho", escreveu um internauta.
Logo em seguida as mensagens de congratulações deram lugar às postagens de condolências no perfil do garoto.
Gedson Santos postou sobre mudança para o Rio de Janeiro horas antes do incêndio — Foto: Reprodução/FacebookGedson Santos postou sobre mudança para o Rio de Janeiro horas antes do incêndio — Foto: Reprodução/FacebookGedson Santos postou sobre mudança para o Rio de Janeiro horas antes do incêndio — Foto: Reprodução/Facebook

'Lembrava o Messi'

Gedinho jogou no Trieste Futebol Clube, de Curitiba, no Athletico e começou no projeto Associação Atlética Banco do Brasil, em Itararé.
Após o fim do contrato com o Athletico, em dezembro de 2018, ele foi escolhido para ir para o Flamengo.
Gedson dos Santos tinha chegado há uma semana no Rio de Janeiro — Foto: Reprodução/FacebookGedson dos Santos tinha chegado há uma semana no Rio de Janeiro — Foto: Reprodução/FacebookGedson dos Santos tinha chegado há uma semana no Rio de Janeiro — Foto: Reprodução/Facebook
Um dos técnicos que treinaram o jogador lembra que ele jogava com inteligência e chegou a compará-lo a Lionel Messi. "Ele era pequeno, rápido, difícil de tirar a bola do pé. Lembrava muito mesmo o Messi. Então surgiu essa brincadeira, lembrava muito o estilo de jogo dele com o do Messi. Inteligente demais", diz.
De acordo com o chefe de gabinete da Prefeitura de Itararé, será decretado luto oficial de três dias na cidade, com bandeiras a meio mastro.
Gedson Santos quando jogou na AABB, em Itararé — Foto: Arquivo Pessoal/Murilo PontesGedson Santos quando jogou na AABB, em Itararé — Foto: Arquivo Pessoal/Murilo PontesGedson Santos quando jogou na AABB, em Itararé — Foto: Arquivo Pessoal/Murilo Pontes

Tragédia no Ninho do Urubu

Incêndio mata 10 jovens e deixa três feridos no Centro de Treinamento do Flamengo — Foto: Reprodução/JNIncêndio mata 10 jovens e deixa três feridos no Centro de Treinamento do Flamengo — Foto: Reprodução/JNIncêndio mata 10 jovens e deixa três feridos no Centro de Treinamento do Flamengo — Foto: Reprodução/JN
Gedson Santos foi o quinto identificado no IML. Todos os 10 jovens jogadores que morreram foram identificados. Os dois últimos, Samuel Thomas e Jorge Eduardo, tiveram a identificação confirmada na tarde de domingo (10).
O incêndio atingiu o alojamento no Ninho do Urubu, na Zona Oeste do Rio, na madrugada de sexta-feira (9). As chamas destruíram as instalações onde dormiam jogadores entre 14 e 17 anos que não residiam no Rio. No momento em que as chamas começaram, os garotos dormiam.
Um inquérito foi instaurado na 42ª DP (Recreio dos Bandeirantes) para apurar as causas do desastre. O governador Wilson Witzel decretou luto oficial de três dias por causa do incidente.
A polícia irá entregar intimações nesta segunda-feira (11) para quatro funcionários que estavam no CT do Flamengo durante o incêndio. Eles e o gerente de patrimônio do Centro de Treinamento devem ser ouvidos na terça-feira (12).
Ninho do Urubu não tinha alvará de funcionamento, diz Prefeitura do Rio — Foto: Reprodução/JNNinho do Urubu não tinha alvará de funcionamento, diz Prefeitura do Rio — Foto: Reprodução/JNNinho do Urubu não tinha alvará de funcionamento, diz Prefeitura do Rio — Foto: Reprodução/JN

Relato de um sobrevivente


--:--/--:--
Fantástico conversa com dois sobreviventes do incêndio no CT do Flamengo
O Fantástico entrevistou Cauan Emanuel, de 14 anos, um dos três sobreviventes do incêndio no Ninho do Urubu que tiveram que ser hospitalizados. Ele contou qual foi sua reação ao saber que o alojamento pegava fogo.
"Eu estava dormindo aí escutei um barulho, mas eu deixei passar... eu pensava que eram os meninos brincando ou alguma coisa", contou.
"O Johnatan [Ventura] e o [Francisco] Dyogo estavam desesperados, aí tentaram sair pela porta principal, só que já estava com cheiro de fumaça, estava quente. Na hora em que eles abriram a porta eu senti o calor na minha cara e aí eu acordei. Aí perguntei ao Diogo e ao Francisco o que estava acontecendo. Aí ele: mano, a gente vai morrer. O ar condicionado está pegando fogo. Se pegar no gás vai explodir", lembrou.
Cauan contou que pediu calma aos amigos e começou a quebrar a janela. Um monitor ajudou e os três conseguiram sair do quarto, mesmo feridos. Outros dois atletas não acordaram e acabaram morrendo. "Acho que eles já estavam desmaiados com tanta fumaça", diz Cauan, acrescentando que ainda tentou chamar um dos companheiros, Áthila, mas ele não acordou, assim como Vitor Isaías.
Cauan teve alta da CTI e foi transferido para um quarto do Hospital Vitória neste domingo. O goleiro Francisco Dyogo, que está na mesma unidade, se recupera de maneira mais devagar e segue um tratamento de fisioterapia respiratória no CTI.
Por G1 Itapetininga e região

INSTAGRAM

Copyright © REDE GUMA. Designed