João Paulo (segundo da esquerda para direita) em momento da celebração

O avareense João Paulo Góes, de 28 anos, foi ordenado, na sexta-feira, dia 12, padre. A missa aconteceu na Igreja Matriz de São Benedito.

João Paulo Góes Sillio é avareense de nascimento. Filho único de Silvio Sillio Neto e Ângela Aparecida Góes Sillio (FOTO AO LADO)
Padre João Paulo de 28 anos, ingressou no Seminário Arquidiocesano Menor São José em 28 de janeiro de 2008, para concluir o terceiro ano do ensino médio, no Colégio Santa Marcelina, em Botucatu, depois de ter vivido boa parte de sua adolescência e juventude em Avaré, junto de sua família e de sua comunidade paroquial São Benedito, onde foi batizado e deu os primeiros passos na Fé, assumindo a função de coroinha, ministrante e Catequista de Crisma. Ao interno da comunidade paroquial pôde discernir e alimentar sua vocação.

Após os primeiros anos de Seminário Menor e Propedêutico, o então seminarista João Paulo foi enviado para Marilia, para iniciar os estudos superiores, ingressando na Faculdade de Filosofia. Em 2012 obteve a Licenciatura Plena em Filosofia pela Faculdade João Paulo II. No ano de 2013 lecionou filosofia e sociologia no Colégio Dimensão (Avaré) e na CEC (Cooperativa Educacional Cerqueirense).

Em 2014 retomou a formação acadêmica, retornando novamente para Marília, a fim de iniciar a Faculdade de Teologia. Mas, a pedido de Dom Maurício, arcebispo metropolitano, foi para Belo Horizonte continuando os estudos teológicos na Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia (FAJE), obtendo o bacharelado civil e eclesiástico. Na capital mineira trabalhou nas comunidades da periferia, exercendo seu trabalho pastoral.


Em 2018, por ocasião do estágio pastoral foi enviado para a diocese de Óbidos, no estado do Pará, retornando em outubro do mesmo ano. Recebeu a Ordenação Diaconal em 21 de dezembro de 2018, na Catedral Basílica Menor de Sant’Ana, em Botucatu-SP. Iniciou o exercício de seu ministério em Laranjal Paulista, na Paróquia de São João Batista, para onde retornará a fim de exercer o ministério presbiteral, no ofício de vigário paroquial. Diácono João Paulo se tornará o décimo segundo padre a ser ordenado na Igreja Matriz de São Benedito, o que acena para o fato de que a comunidade paroquial desempenhou, e continua a desempenhar, um importante papel e serviço para a comunidade humana, sendo sinal de fecundidade e testemunho cristão. A Missa Solene de Ordenação Presbiteral aconteceu, dia 12 de abril de 2019 na na Igreja Matriz de São Benedito e foi presidida pelo Arcebispo Metropolitano de Botucatu, Dom Maurício Grotto de Camargo, e concelebrada pelos padres da Arquidiocese.
FOTOS DA ASSESSORIA