• -Educação


Além da vigilância patrimonial, sistema vai garantir mais segurança para professores, servidores e alunos


ILUSTRATIVA

A Secretaria Municipal da Educação está implantando um sistema de monitoramento das unidades escolares de Avaré, incluindo escolas municipais, centros de educação infantil e setores como a Central de Alimentação (Cozinha Piloto) e o Almoxarifado da Educação.

Serão instaladas aproximadamente 700 câmeras em 44 pontos, permitindo a interação em tempo real. Além da captura de imagens, o projeto conta com cerca de 90 sistemas de voz.

Em caso de invasões, o mecanismo emite alertas sonoros com frases que indicam que o local público está sendo violado. Refletores também são acionados nesses casos, dificultando a ação e facilitando a identificação do autor do delito.

Segurança para alunos
Além da vigilância patrimonial, o sistema que permite a interação em tempo real vai monitorar salas de aula, berçários, pátios e quadras de unidades escolares, garantindo mais segurança a professores, funcionários e alunos”, afirma a Secretaria Municipal da Educação.

O equipamento já foi implantado em metade das unidades. A expectativa é que o trabalho de implantação seja concluído em março.

Monitoramento 24 horas
O sistema que vai monitorar os setores 24 horas por dia é gerenciado pela Service Security. As imagens são enviadas para uma central que ficará sob o comando de um profissional da empresa.

Com isso, o técnico pode monitorar desde ocorrências mais simples - como a queda de energia em alguma escola - ou acionar a Polícia Militar (PM) em caso de gravidade.

Também serão disponibilizados dois pontos do DETECTA, sistema utilizado pelo Governo do Estado de São Paulo que permite o reconhecimento de placas de veículos, entre outras funções.

As câmeras serão instaladas em pontos estratégicos da cidade. Os locais serão definidos em conjunto com a PM.