Universidade dos EUA oferece graduação a distância de graça

Já imaginou estudar numa universidade dos EUA, online e de graça?
Pois isso é possível com a Universidade do Povo (University of People – UoPeople), uma organização sem fins lucrativos, que vive basicamente de doações e todos os professores são voluntários.
Com essa modalidade de Ensino a Distância, você estuda quando quiser, com flexibilidade de horário, não paga nada, tem o auxílio de professores e ainda obtém certificado de graduação de uma instituição internacional.
A Universidade do Povo
A instituição foi fundada em 2009 por Shai Reshef com apoio da Organização das Nações Unidas (ONU) e oferece cursos nas áreas de Ciências da ComputaçãoAdministração e aulas de reforço nas áreas de humanas e exatas durante a graduação. Reshef trabalhou por mais de 20 anos no setor de ensino com fins lucrativos e implantou na Europa a primeira universidade online.
“Ao fazer isso, eu testemunhei o quão poderoso esse tipo de aprendizagem pode ser. Tivemos estudantes de todo o mundo. Eles ficavam em casas, continuaram seus trabalhos e foram capazes de obter uma educação de alta qualidade”, declarou Reshef. Após anos de trabalho no lado lucrativo do ramo, o atual presidente da universidade decidiu que era o momento de retornar à sociedade parte do dinheiro conquistado ao longo da vida.
“Quando olhei em volta, percebi que todos os recursos que fizeram o programa online que eu tinha estabelecido na Europa estavam, agora, disponíveis gratuitamente: a tecnologia de código aberto e recursos gratuitos. Naquele momento, percebi que tudo o que eu realmente precisava fazer era agrupar todos esses recursos. A Universidade do Povo é o resultado disso”, afirma o presidente da instituição, em entrevista ao site do Terra.
Como funciona
Apesar de estar localizada em Pasadena, nos Estados Unidos, todas as aulas e serviços oferecidos, como biblioteca, por exemplo, são online. Como é Ensino a Distância, o próprio aluno organiza sua rotina de estudo, estudantes e professores participam de fóruns para discutir o conteúdo visto na semana e tirar dúvidas, as lições podem ser tomadas a qualquer momento, mas as tarefas devem ser entregues dentro do prazo.
Perfil dos alunos
Atualmente, mais de 2 mil estudantes de 148 países estão matriculados na universidade. O perfil dos alunos é diversificado: eles têm entre 18 e 66 anos, sendo a maioria (cerca de 33%) do continente africano. Segundo a assessoria de imprensa, até o momento, não há nenhum brasileiro matriculado na instituição, e os interessados precisam ter 18 anos ou mais, proficiência em inglês e comprovar conclusão do ensino médio para se candidatar a uma vaga. As cópias dos diplomas e dos históricos devem ser autenticadas e transcritas para o inglês, mais informações podem ser acessadas no site da instituição.
O diploma estrangeiro é válido aqui no Brasil?
Para os brasileiros interessados, é importante pensar na revalidação do diploma após a conclusão do curso estrangeiro. Segundo a assessoria de imprensa do Ministério da Educação (MEC), a revalidação de diplomas de graduação expedidos por instituições de ensino superior estrangeiras cabe a universidades públicas brasileiras que ministrem cursos de graduação reconhecidos na mesma área de conhecimento ou em área afim. O órgão informa que, no processo de revalidação, para conferir a equivalência do curso feito no exterior com o oferecido no Brasil, os candidatos podem ter que realizar exames de complementação de estudos.
Taxa
A Universidade do Povo não cobra taxa de matrícula dos alunos, mas é requerido o pagamento de um valor que varia de US$ 10 a US$ 50, dependendo do Produto Interno Bruto (PIB) do país do estudante, para cobrir os custos de processamento de cada solicitação de matrícula, bem como para a iniciativa se manter sustentável, afirma o presidente Reshef.
“Como instituição acadêmica sem fins lucrativos dedicada à abertura do acesso ao ensino superior, conseguimos cortar quase todo o custo. Tudo o que pedimos aos nossos alunos para cobrir é o custo de processamento de exames em US$ 100 por semestre. Para os alunos que não são capazes de pagar esse valor, há ajuda financeira disponível”, diz Reshef.
Universidade do Povo é mais uma dica que o Canal do Ensino traz para quem não tem tempo ou dinheiro para estudar.