Avaré dá início à vacinação contra a Covid-19

JORNAL DO GUMA "COVID-19"
  • Doses começaram a ser aplicadas simultaneamente em profissionais que atuam na linha de frente contra a doença, entre outros grupos prioritários

Doses começaram a ser aplicadas simultaneamente em profissionais que atuam na linha de frente contra a doença, entre outros grupos prioritários

Um dia que vai entrar pra história. A Secretaria Municipal da Saúde iniciou na manhã desta quinta-feira, 21, a vacinação contra a Covid-19 em Avaré.

Conforme o anunciado anteriormente, a pasta já havia preparado a logística e aguardava apenas o envio das 1400 doses prometidas pela Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo.

O caminhão que transportava o imunizante chegou ao Centro de Saúde I por volta das 21 horas de quarta-feira, 20, sob escolta do Batalhão de Choque da Polícia Militar.

O secretário da Saúde Roslindo Machado e a enfermeira Maíris de Oliveira Silvestre, da Vigilância Epidemiológica, fizeram a conferência do material, que foi armazenado em resfriadores específicos para vacinas.

Imunização simultânea

Diferentemente de outras cidades, a Secretaria Municipal da Saúde decidiu iniciar a aplicação simultaneamente em funcionários da Santa Casa, Pronto Socorro Municipal, SAMU e Ambulatório de Síndrome Respiratória.
“Para nós, o mais importante é a vacinação em si. Por isso, não tivemos a preocupação de definir quem vai ser o primeiro vacinado”, 
ressalta o secretário.

Além de profissionais de saúde que estão na linha de frente no combate à doença, começaram a ser vacinados nessa primeira etapa os residentes do Lar São Vicente de Paulo, Clínica de Repouso Recanto Bem Viver e Residência do Amor Fraternal de Avaré (Asilo Rafa).




População indígena vivendo em terras indígenas e quilombolas também fazem parte dessa etapa da imunização, estabelece o cronograma do Ministério da Saúde.
As doses remanescentes serão disponibilizadas para funcionários que atuam em unidades básicas de saúde, continua a pasta.

Outros grupos

A Secretaria Municipal da Saúde ressalta ainda que a vacinação será ampliada para os demais profissionais de saúde e grupos prioritários assim que o município receber novos lotes do imunizante, o que não tem data para ocorrer até o momento.

CLIQUE AQUI PARA MAIS FOTOS