Italiano vacinado é infectado com variante brasileira do coronavírus

REDE GUMA "COVID-19"

As novas variantes do coronavírus têm sido motivo de estudos em todo o mundo. Nesta quinta-feira (18), um profissional de saúde italiano testou positivo para a cepa brasileira, mas o que chama a atenção é que ele já tinha sido vacinado contra a covid-19.



O profissional recebeu a dose da vacina da Pfizer/BioNTech. De acordo com o Uol, a nova variante foi identificada durante exames periódicos realizados em todos os operadores sanitários e analisada pelos institutos de zooprofilaxia experimental de Abruzzo e Molise.

Brasil acumula mais de 10 milhões de casos de covid-19

Se por um lado essa infecção causa preocupação, por outro lado, tudo indica que a vacina pode ter protegido o paciente contra sintomas graves da doença.

As autoridades sanitárias da Itália ainda estão fazendo novas avaliações detalhadas. Enquanto isso, o profissional, que está assintomático, segue em isolamento domiciliar.

Relatos indicam que ele teria contraído o vírus de sua mãe, após a família registrar um surto com pelo menos seis casos positivos – todos assintomáticos.

Testes estão sendo realizados nos familiares para verificar se as pessoas também foram contaminadas com a variante brasileira.