Alimentar cães uma vez por dia pode gerar envelhecimento mais saudável, diz estudo

JORNAL DO GUMA

DA ISTO É DINHEIRO

FOTO: ARQUIVO PESSOAL

Foram 24 mil cães analisados por biólogos, veterinários e cientistas pelo programa Dog Aging Project. A pesquisa sugere menores chances no desenvolvimento de doenças e melhora cognitiva em cachorros alimentados uma vez ao dia.  

As informações foram coletadas entre 2019 e 2020 de cachorros com idades de 1 a 18 anos. As pesquisas cognitivas tiveram foco nos cães a partir de 6 anos, já que os pesquisadores acreditam que é nessa idade que a perda de cognição começa. 

+Venda de cães e gatos em pet shops será proibida na França

“Controlando por sexo, idade, raça e outros fatores de confusão em potencial, descobrimos que cães alimentados uma vez ao dia tinham pontuações médias mais baixas em uma escala de disfunção cognitiva e menor chance de desenvolver doenças”, afirma o estudo que ainda está em estágio de pré-print da Dog Aging Projec . 

Não troque a alimentação por conta própria

A pesquisa preliminar não significa que todos os cães devem mudar a frequência de alimentação. É necessário a orientação de um profissional veterinário para avaliar cada caso e acompanhar o animal de estimação.