Homem que salvou criança de afogamento é morto pelo pai do menino

 JORNAL DO GUMA

Do Estado de Minas

© Minasgerais.com.br Verdelândia é conhecida pelas belezas naturais

O assassinato de um homem, de 30 anos, dentro de casa, ocorrido no último dia 3 de outubro, em Verdelândia, na Região Norte do estado, foi esclarecida pela Polícia Civil com a prisão de um dos autores, nesta sexta-feira (17/12).

O crime ocorreu no Bairro Barreiro do Rio Verde. Segundo testemunhas, vítima e autor brigaram por motivos fúteis, num bar. A vítima, logo em seguida, foi para sua casa. O outro envolvido na discussão, resolveu, então, ir à sua casa, onde apanhou um revólver e retornou ao bar.

Com a ajuda de um amigo, foi até a residência da vítima e efetuou vários disparos contra a mesma, sem qualquer chance de defesa. Os suspeitos, de 30 e 40 anos, fugiram logo após os disparos.

Um dos investigados foi preso temporariamente após o crime. Depois de prestar depoimento, foi colocado em prisão domiciliar devido a problemas de saúde. Um mandado de busca e apreensão foi cumprido na residência do outro envolvido, o autor dos disparos, na casa deste, em Belo Horizonte.

Segundo a delegada Glênia Balieira Torres Aquino, um dia antes do crime a vítima teria salvado a vida do filho do suspeito, que estava se afogando em um rio. “Ao que consta, o homem, que havia chegado à cidade poucos dias antes, teria ficado muito agradecido, mas não chegou a ver quem seria a pessoa que salvou seu filho, apenas ficou sabendo que foi o marido de uma conhecida.”

No entanto, no dia seguinte, por motivos banais, o homem atirou contra a pessoa que resgatou a criança. A delegada requisitou então, à justiça, pela conversão da prisão temporária do suspeito.