OUÇA A RÁDIO GUMA CLIQUE ACIMA

História: há 50 anos, a TV brasileira ganhava cores

JORNAL DO GUMA

Do Comunique-se

Há 50 anos — em 19 de fevereiro de 1972 — era realizada, pela Rede Globo, a primeira transmissão de um programa a cores pela TV brasileira. Com imagens da TV Difusora de Porto Alegre, a Globo transmitiu a Festa da Uva de Caxias do Sul (RS) com narração de Cid Moreira. Em 31 de março daquele ano, o novo padrão de transmissão em cores, chamado PAL-M, foi oficializado. O advento das cores elevou a televisão a um outro patamar, dando mais emoção ao telespectador.

Cobertura da Festa da Uva de 1972 pela Globo entrou para a história da imprensa televisiva do país (Imagem: Canva)

A história da televisão no Brasil, entretanto, começou quase 20 anos antes da “chegada das cores”. Ainda na primeira metade do século 20 já eram realizadas transmissões experimentais pelo país. Mas foi só em 18 de setembro de 1950 que foi inaugurada, por Assis Chateaubriand, a TV Tupi de São Paulo, a primeira emissora brasileira e a primeira da América do Sul. Com programações em preto e branco e ao vivo, a emissora transmitia programas educativos, informativos, pronunciamentos do presidente e apresentações musicais. O primeiro telejornal brasileiro foi ao ar no dia 19 de setembro daquele mesmo ano.

Os anos 1960 foram marcados pela expansão das emissoras por todo país. Com a inauguração da nova capital, Brasília, foi realizada, em 21 de abril de 1960, a primeira transmissão em rede pela TV Tupi. A chegada do então presidente Juscelino Kubitschek com a sua comitiva ao Distrito Federal também foi transmitida.

Também foi na década de 1960, por meio da tecnologia do videoteipe, que as gravações passaram a tomar conta das programações. Os programas de auditório, com a ascensão de figuras como Silvio Santos e Hebe Camargo, fizeram a população se aproximar cada vez mais da TV.

Depois da chegada das cores à TV

Nos anos 70, com a chegada das transmissões a cores, a importância da televisão como meio de entretenimento e informação cresce. A partir daí, a TV começou a se firmar no gosto do brasileiro.

Passados 50 anos da transmissão — em cores — da Festa da Uva de Caxias do Sul (RS), as inovações na TV são inúmeras, desde o streaming até aparelhos ultra modernos, mostrando que a caixinha com imagens veio realmente para ficar.

Reportagem: Thiago Guimarães, estagiário sob supervisão de Alessandra Esteves.

Edição: Lilian Beraldo.



Postagem Anterior Próxima Postagem

INVISTA AQUI