OUÇA A RÁDIO GUMA CLIQUE ACIMA

"Estudo define quanto você precisa ganhar para ser considerado rico"

JORNAL DO GUMA

Da Forbes

  • O estudo é o segundo desse tipo e seu objetivo é informar o debate em torno da qualidade de vida dos indivíduos

Essa é uma pergunta comum que as pessoas se fazem – quão bem estou em comparação com o resto da população? Estou ganhando acima, abaixo ou na média para alguém da minha idade e formação?

© Getty Images/Andrzej Rostek


Bem, um novo relatório do L’Observatoire des Inégalités, uma organização independente que estuda a desigualdade na sociedade francesa, definiu o que significa ser rico e quantas pessoas isso inclui.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

Para ser considerada rica, uma pessoa deve ter uma receita de € 3.673 (R$ 19,5 mil) por mês – esse valor é o dobro da pessoa média e compreende 4,5 milhões de pessoas na França.

Um casal com dois filhos menores de 14 anos seria considerado rico se tivesse uma receita mensal combinada de € 7.713 (R$ 41,5 mil).

Esse valor mensal agora é um pouco maior do que quando este estudo foi realizado em 2020, em que ser rico para um indivíduo equivaleria a ganhar € 3.470 (R$ 19,6 mil) por mês.

1% da população seria considerada “super-rica” se tivesse uma receita de € 7.180 (R$ 38,6 mil) por mês, após impostos, por pessoa.

Na França, as pessoas mais ricas atualmente – em termos de receita – são aquelas que são ligeiramente mais velhas do que o restante da população (idade média de 57 anos), não têm mais filhos em casa, têm propriedades próprias e ocupam cargos gerenciais no local de trabalho.

Sem surpresa, esta nova pesquisa descobriu que as pessoas mais ricas em termos de riqueza geral (e não apenas receita) são mais velhas: 70% têm mais de 50 anos, 39% são aposentadas e 28% vivem em Paris e regiões vizinhas.

Aliás, a pessoa mais rica da França é Bernard Arnault, presidente da LVMH, a maior empresa de artigos de luxo do mundo – sua riqueza equivale ao valor total de todas as propriedades em Marselha, a segunda maior cidade da França.

O estudo é o segundo desse tipo e seu objetivo é informar o debate em torno da qualidade de vida dos indivíduos e, particularmente, em torno da pobreza e da desigualdade global.

Como diz o estudo, “ser rico na vida é ter muito, mas quanto é muito?” Bem, agora todo mundo tem a resposta.

Inscreva-se na seleção para a lista Under 30 2022

Postagem Anterior Próxima Postagem

INVISTA AQUI