Advogado que tentava defender trio suspeito de extorsão é preso após ir à delegacia com moto roubada

Segundo a polícia, advogado tentou fugir após a polícia constatar que o veículo era roubado. Além de receptação, ele foi autuado por coação no curso do processo.


Advogado foi preso ao ser flagrado com moto roubada em delegacia de Tatuí (Foto: Arquivo Pessoal)

Um advogado de 32 anos foi preso após ir à delegacia com uma moto roubada na sexta-feira (20), em Tatuí (SP), para defender outras três pessoas detidas suspeitas de extorsão a um comerciante da cidade.
De acordo com a polícia, uma equipe foi acionada para atender uma tentativa de roubo em uma loja de móveis na tarde desta sexta-feira. Os policiais foram até o local e encontraram quatro suspeitos. Três foram detidos e um conseguiu fugir.
Questionados, eles alegaram que estavam no local para cobrar do comerciante uma dívida no valor de R$ 50 mil. O mandante seria outro advogado, que teve a prisão preventiva solicitada à Justiça.
Os três foram encaminhados para a delegacia da cidade, onde um boletim de ocorrência por extorsão foi registrado e eles ficaram à disposição da Justiça.
Ainda segundo a polícia, um advogado foi chamado para a defesa dos suspeitos, mas quando chegou na delegacia acabou sendo preso, pois estava com uma moto que tinha sido roubada em 25 de junho de 2017.
Conforme o boletim de ocorrência, ele tentou fugir, mas foi detido. Um boletim de ocorrência de receptação foi registrado e o delegado chegou a arbitrar uma fiança de R$ 3 mil.
Porém, antes do pagamento, ele teria ameaçado um funcionário da loja que estava na delegacia prestando depoimento. A fiança foi retirada e ele foi preso por receptação de produto furtado e por coação no curso do processo. O caso continuará sendo investigado.

Grupo é preso suspeito de extorquir comerciante em Tatuí (Foto: Arquivo Pessoal) 


Veja mais notícias da região no G1 Itapetininga
Postar um comentário

INSTAGRAM

INSTAGRAM
Copyright © REDE GUMA. Designed