OUÇA A RÁDIO GUMA CLIQUE ACIMA

Chuvas em SP: regiões do estado entram em nível máximo de alerta (veja quais)

O Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) divulgou aviso de alerta vermelho para chuvas em São Paulo. As chuvas no estado devem ser superiores a 60 mm/h ou acima de 100 mm/dia.

    Foto Jornal S Paulista

O volume de água pode causar riscos de grandes alagamentos e transbordamento de rios, além de grandes deslizamentos de encostas. As principais áreas e municípios afetados são Presidente Prudente, Bauru, Piracicaba, Itapetininga, Araçatuba, Macro Metropolitana Paulista, Marília, Campinas, Metropolitana de São Paulo, Assis, Araraquara, Litoral Sul Paulista e São José do Rio Preto.

A orientação do Inmet é para que a população tenha cuidados extras no período de alerta vermelho:

  • Desligar aparelhos elétricos, quadro geral de energia.
  • Observar alteração nas encostas.
  • Permanecer em local abrigado.
  • Em caso de situação de inundação, ou similar, proteger pertences da água envoltos em sacos plásticos.
  • Obter mais informações junto à Defesa Civil (telefone 199) e ao Corpo de Bombeiros (telefone 193).

Segundo o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergência), da Prefeitura de São Paulo, a cidade tinha, neste domingo, sete pontos de alagamento. Nesta segunda-feira (31), ainda segundo o Centro, persistem as condições de chuvas alternadas com períodos de melhoria no decorrer do dia. Entretanto, as precipitações mais intensas seguem se concentrando entre a tarde e a noite. Os termômetros variam entre mínimas de 18°C e máximas de 24°C.

Fonte: Brasil 61


CHIVAS EM AVARÉ


Foram muitos os pontos de alagamentos na cidade de Avaré, problema rotineiro em temporadas de chuvas. De acordo com o Corpo de Bombeiros não houve registro de vítimas humanas, somente muitos prejuízos pelo município, durante as chuvas deste sábado, 29.

Uma família  ficou presa dentro de uma caminhonete que por pouco não caiu no transbordado Ribeirão Lajeado.

Segundo o Corpo de Bombeiros, durante o dia de sábado, foram registradas três ocorrências, duas envolvendo carros que tentaram vencer alagamentos. Um dos casos ocorreu na Avenida Lineu Prestes, altura do novo pontilhão, local acostumado a enchentes, onde um pessoas ficaram presas no veículo e precisaram de ajuda.

A outra ocorrência envolvendo veículos, ocorreu na Avenida Major Rangel, onde um veículo de luxo precisou ser empurrado para fora do alagamento.

O terceiro chamado foi numa clínica localizada na Rua Maranhão. Outro trecho acostumado a enchentes. Funcionários ficaram “ilhados” dentro do imóvel e precisaram da ajuda dos Bombeiros para saírem do local que ficou tomado pelas águas.


Outro ponto crítico foi registrado na vicinal que liga o Bairro Barra Grande. Uma parte da pista cedeu devido a força das águas e o local precisou ser interditado pela Defesa Civil.

A Rua Maranhão, onde vários quarteirões foram alagados, principalmente o ponto em que cruza com a Rua Distrito Federal. Um carro ficou submerso e muitos imóveis foram invadidos pelas águas barrentas.

A Avenida Santos Dumont, no Bairro Brabância, um vídeo feito por uma comerciante mostrou a força das águas que saíam por um bueiro. Muitos imóveis também foram afetados.

Do Sudoeste Paulista
Postagem Anterior Próxima Postagem

INVISTA AQUI