domingo, 21 de abril de 2013

JORNAL DA CIDADE

CULTURA

                                                                 CINEMA - ÁUDIO VISUAL
PREMIO "ENCINA" FOI ENTREGUE 
NA NOITE DE DOMINGO, DIA 21
O "Premio Encina 2013" um troféu produzido pelo artista plástico Chicão foi entregue ao produtores das obras em vídeo e colaboradores para realização de mais esta edição do Encontro que ganhou status de um verdadeiro circuito cinematográfico. Os troféus foram entregues na noite de domingo dia 21 marcando a finalização do V ENCINA, com as presenças dos Vereadores Ernesto Albuquerque e Marcelo Ortega.
ENCINA 2013 MOVIMENTOU O CAC
Inúmeras produções de Avaré deram um brilho especial a quinta edição do Encontro Cinematrográfico de Avaré.
FOTOS COBERTURA COMPLETA CLIQUE AQUI
Alguns dos participantes da V edição do ENCINA
Durante toda semana um verdadeiro circuito de cinema aconteceu na sede das Oficinas Culturais José Reis Filho CAC. Exibições dos filmes do Ponto Mis, Oficina de Aikai Audio Visual, Cinema no Divã, filmes e documentários produzidos em Avaré, Festival do Minuto, que se espera no ano que vem abrir uma competição a nivel nacional e a exibição dos curtas que participarão do Mapa Cultural, quatro filmes dos quais representará Avaré no certame estadual, fizeram desta edição, a quinta do evento, a mais representativa de todas e que com certeza permitirá um crescimento ainda maior as vídeos produções na cidade.
Gilson Camara, Guma Castellucci e representantes dos grupos de cinema de Avaré
O encontro teve inicio com microproduções de aproximadamente um minuto na terça, 16   se encerrando no domingo, dia 21, com a exibição de curtas metragens que disputarão uma vaga no Mapa Cultural - Fase Regional.
A inclusão de atrações do Ponto Mis como a Oficina de Haikai Audiovisual (Foto ao lado), que aconteceu dia 17, e uma reunião para debater políticas culturais para o segmento de Áudio Visual e Fotografia, NO SÁBADO À TARDE e ainda mais uma edição do Cinema no Divã que debateu o filme Heleno esta edição do ENCINA evento, que tem por finalidade fomentar as produções em áudio visual,foi  a maior desde o inicio do projeto em 2009.
BOITUVA PRESTIGIOU O EVENTO DE CINEMA AVAREENSE
Graças ao inédito trabalho do Villa Real Filmes que incorporou a sua produção de vídeo (ver abaixo) obras de artistas plasticos (Iza Perez, El Camargo, Tegani e Mara Cruz), uma comitiva veio da cidade de Boituva especialmente para a sessão de lançamento filme "Pedaços de Ontem" para prestigiar o artista plástico El Camargo que integrava o grupo e que aqui em Avaré iniciou seus trabalhos juntamente com Tegani, iza Perez e outros, na pintura.
Guma Castellucci recepciona o artista plástico El Camargo durante o ENCINA
LANÇAMENTO DE PEDAÇOS DE ONTEM EMOCIONA
"PEDAÇOS DE ONTEM" Média-metragem foi produzido totalmente em Avaré pelo Grupo Vila Real Filmes, foi lançado na noite de sábado, 20.
Alguns integrantes do elenco de Pedaços de Ontem, equipe da Cultura e ativistas culturais
O grupo cinematográfico Vila Real Filmes comandando por João Gambini e Milton Rigonatti estão agitando Avaré com mais uma produção 100% avareense. O Filme “Pedaços de Ontem” conta a história de “José”, um senhor (interpretado por Carlos Alonso – Clube da Viola de Avaré) que mora com o filho Adilson (interpretado por Gilson Camara – Secretário da Cultura de Avaré)), a esposa  Gisleine (Maria Otília Cruz), o Neto Rogério (Gabriel Gambini) e Iolanda Gomes que interpreta a esposa de José. Um drama que retrata lembranças do passado de José e a convivência com a falta de paciência do filho Adilson, o filme que promete fazer o público refletir sobre valores familiares, a correria do dia a dia, a falta de paciência com o pai ou parente mais velho, trazendo a tona, sentimentos profundos do convívio humano.
“Cada dia que passa estamos percebendo a evolução do cinema avareense e principalmente toda a cidade vem nos apoiando com mais força e isso com certeza viabiliza as produções”, disse João Gambini.
Desta vez o Grupo de Cinema Vila Real conquistou vários parceiros para viabilizar este filme: Lar São Vicente de Paula (Sr. Orlando), Santa Casa de Misericórdia de Avaré (Dr. Cesar negrão, Dr. Cesar Cruz e Nancy), Princesa Presentes, Horto Florestal de Avaré, Igreja de Nossa Senhora das Dores de Avaré (Padre Tarcísio) e também a parceria com os maiores artistas plástico de Avaré: Iza Perez, Mara Gonçalves, El Camargo e Tegani que estão produzindo telas sobre o filme Pedaços de Ontem que resultará numa exposição itinerante por Avaré e região, uma junção que fortalece ainda mais a cultura avareense.
Ficha Técnica: Roteiro: Milton Rigonatti\João Gambini, Direção Geral: João  Gambini, Produção: Milton Rigonatti, Câmeras: João Gambini, Milton Rigonatti, Conrado Bannwart.
“Todos estão muito empenhados e  fico muito feliz de  como o cinema é tratado pelo Grupo Vila Real Filmes, um grupo forte, unido, que vem subindo degrau a degrau, um exemplo de amor pela cultura, ressaltou Gilson Camara. Visando melhorar sempre as produções de filmes, o grupo Vila Real aposta que a busca de conhecimento técnico tem que ser contínuo, fato que Gilson Camara através da Secretaria de Cultura já trouxe vários cursos para o aprimoramento de técnicas cinematográficas, como os cursos gratuitos de Documentário, Roteiro e Fotografia.
CINEMA NO DIVÃ DEBATEU O FILME HELENO  
Heleno, vivido por Rodrigo Santoro, foi um dos maiores craques de futebol que o Brasil já teve e que empolgou as torcidas nos anos 40. 
O filme foi escolhido para ser o tema do debate, um tratado sobre o que pode acontecer com alguém que, cego pelo próprio narcisismo, não ouve nada e a ninguém e é guiado por um sabotador interno incansável, que o leva à própria destruição.

                                                                            ARTES PLÁSTICAS    
CHÁ DOS ARTISTAS EXPÕE OBRAS DE LENA HALI
Gilson Camara, Margarida e Maisa Novaes, Lena Hali (antes seu esposo) Guma Castellucci e Hilda Arrivabene.
MAIS FOTOS CLIQUE AQUI
A quinta edição do “Chá dos Artistas” com a exposição de obras da artista Plástica Lena Hali aconteceu na tarde de quarta feira dia 17.
O evento que é organizado pela equipe da Casa do Artesanato “Floriza Souto Fernandes” departamento da Secretaria de Cultura de Avaré, trouxe pela primeira vez os trabalhos da renomada artista plástica que já teve seu trabalho, em reconhecido pela critica especializada e o publico presente pode também  apreciar diversos produtos artesanais e obras de arte de avareenses.
A Casa do Artesanato  esta passando por uma revitalização com adequação de espaços para uma melhor visualização do material exposto que é destinado a venda, oferecendo um importante ponto comercial ao artesão e artista avareense que ali pode levar seus produtos.
Ainda também são ministrados no espaço aulas de corte e costura, produção de lingeries, crochê, macramê, pintura em tela, pintura em tecido, pintura em madeira, decoupage e agora também pach aplique a preços simbólicos.
A ARTISTA LENA HALI, nasceu em São Paulo em 1963 tendo como profissão além do trabalho com artes plásticas, Design e Projetista para Interiores.
Avessa a rótulos e classificações de estilo, Lena utiliza sua arte como meio de expressão e estabelece vínculos com o observador, perseguindo sempre o impacto e a reflexão sobre a sua matéria principal: o ser humano.