MORRE UBIRANY

 Um dos fundadores do Fundo de Quintal, na década de 1970, Ubirany morreu aos 80 anos vítima de complicações da Covid-19 em hospital do Rio de Janeiro, nesta sexta-feira (11). O cantor que introduziu no conjunto o repique de mão estava internado há mais uma semana. No último dia 26, o artista tinha participado da gravação de um DVD de Diogo Nogueira em Niterói. Ubirany morreu quatro dias após Eduardo Galvão, outra vítima do coronavírus e que foi homenageado com música em sua cremação.

Nas redes sociais, vários artistas lamentaram a morte do sambista.

 "Vamos nos lembrar dele assim: sorrindo. Um dos nomes mais importantes da história do samba", 

escreveu Zeca Pagodinho. 

"Nossos sentimentos mais profundos para o Fundo de Quintal, seus amigos, familiares e a toda a comunidade do samba que hoje está em luto. Descanse em paz, mestre! Muito obrigado por tudo!", 

completou.

Regina Casé também lamentou morte de Ubirany: 

'Tristeza'

Além do intérprete de "Deixa a Vida Me Levar", outros famosos se despediram de Ubirany. 

"Ai que tristeza, mais um grande artista nos deixa. Ubirany, infelizmente mais uma vítima da covid. Quantos sambas, quantas alegrias ele dividiu com a gente junto ao Fundo de Quintal, por tantos anos. Força a todos os parceiros do grupo, amigos, família. Recebam meu abraço! Valeu, Ubirany!",

 escreveu Erika Januza.

"Meu Deus! Que tristeza... Que ser humano adorável... Como eu amava dançar com ele, que sorriso, que elegância!", 

exaltou Regina Casé. Mumuzinho também se despediu do fundador do Fundo de Quintal.

 "O samba está de luto. Uma perda inestimável para a música brasileira. Foram anos sendo referência para todos nós. Obrigado por tudo, mestre Ubirany. Descanse em paz", 

desejou.

"Que triste receber a notícia de mais essa morte (...). Fui recebida por ele e todo o grupo com tanto carinho sempre (...). Vai ficar uma saudade imensa. Meu carinho pra toda a família e os muitos e merecidos amigos e fãs",

 afirmou Fátima Bernardes.



Recorde a trajetória do grupo Fundo de Quintal

Surgido na região da Leopoldina dentro do bloco Cacique de Ramos, um dos mais tradicionais do estado, o Fundo de Quintal tinha em sua formação original além de Ubiracy, Almir Guineto, Jorge Aragão, Sereno, Sombrinha, Valter Sete Cordas, Bira Presidente, Neoci e Arlindo Cruz, atualmente em recuperação de um AVC sofrido há mais de três anos. O primeiro disco do conjunto foi gravado nos anos 1980, "Samba é no Fundo de Quintal".


Vieram sucessos como "Você quer Voltar", "Zé da Ralé" e "Te Gosto". Madrinha do grupo, Beth Carvalho, morta no ano passado, gravou a música "Para que Viver Assim" em 1987. O primeiro DVD só viria em 2004 com participações de "bambas" como Dona Ivone Lara, que faleceu em 2018, Zeca Pagodinho e Almir Guineto e vendeu mais de 120 mil cópias. Um outro álbum foi lançado em 2016, "Fundo de Quintal 40 Anos no Circo Voador", com presença de nomes como Zélia Duncan.


(por Guilherme Guidorizzi)